Machu Picchu, Peru, America do Sul de moto

Rodovia do Pacífico Brasil Peru

Machu Picchu www.MotoTuristas.Blog.brDe Mato Grosso do Sul ao Chile via Acre, pela Rodovia do Pacífico Brasil Peru:

De Campo Grande-MS, Gargamel na Yamaha XT 660. Pelo Brasil, Iko de Rio Branco-AC nos acompanha desde Chapada dos Guimarães-MT até o Acre, onde ele mora.

Geolocalização: Brasil: MS, MT, RO e AC | Peru: Cusco na ida e Lago Titicaca na volta Chile: Cidade de Arica, a 18 Km do Peru. Projeto final: 9.400 Km de mototurismo em 25 dias.

Objetivo no Peru: percorrer a rodovia Interoceânica até o Oceano Pacífico, explorar pontos turísticos na ida e na volta, conhecer a 4ª Maravilha do Mundo que é o Santuário de Machu Picchu (dados da UNESCO), entre as cidades de Cusco e Águas Calientes no Peru e chegar ao Oceano Pacífico, voltando pelo Lago Titicaca. Viajar para do Peru ao Chile

Objetivo no Brasil: refazer o trajeto que fiz em dezembro de 2005 pelas BRs 163 e 364 entre Mato Grosso do Sul a fronteira peruana no Acre: no carnaval descansar na Chapada dos Guimarães em Mato Grosso, rever a Estrada de Ferro Madeira Mamoré em Abunã, Rondônia, visitar a casa de Chico Mendes em Xapuri no Acre, enfim, além destes pontos turísticos, explorar novas opções que nasceram depois da inauguração da rodovia interoceânica. Viajar do Brasil ao Peru e ou Viajar do Chile e Peru ao Brasil

Observações sobre a Rodovia Interoceânica:

  1. Da Fronteira Brasil-Peru a Puerto Maldonado, são 230 Km até a Ponte Billinghurst sobre o rio Madre de Dios que deverá ficar pronta em abril de 2011.  Essa é a única pendência da “Carretera Interoceânica Sur” no Peru, segundo a Construtora Odebrecht.
  2. A Rodovia Interoceânica tem 1.500 Km no Brasil e no Peru a “Carretera Interoceânica Sur” tem 1.100 Km somando 2.600 Km, atinge na Cordilheira dos Andes 4.800 metros de altitude, passa por 51 povos indígenas peruanos, tem 207 pontes, custou quase 2 bilhões de dólares, empregou 3.800 trabalhadores de setembro de 2005 até 2011 e foi construída pelas construtoras Odebrecht, Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa e Queiroz Galvão.
  3. A “Carretera Interoceânica Sur” não passa por Machu Picchu, nem Águas Calientes. Machu Picchu está a 80 Km ou 50 milhas a noroeste da cidade de Cusco. Para chegar à Cidade Inca de Machu Picchu a 2.400 metros de altitude há um trem de 4 horas de Cusco a 3.400 metros de altitude até Águas Calientes ou por trilha.  Saúde é o que interessa! Haja trilha!

Brasil ao Peru via Acre + 4 noites em Chapada dos Guimarães MT

DataOrigemDestinoDistância
Sábado, 5/03/2011MS Campo GrandeMT Chapada dos Guimarães700 Km
Domingo a 3ª feira
CARNAVAL
MT Chapada dos Guimarães
4ª feira, 9/03/2011MT Chapada dos GuimarãesRO Pimenta Bueno960 Km
5ª feira, 10/03/2011RO Pimenta BuenoRO Porto Velho510 Km
5ª feira, 10/03/2011RO Porto VelhoRO Porto VelhoAlmoço às 13horas
5ª feira, 10/03/2001RO Porto VelhoAC Rio Branco500 Km
6ª feira, 11/03/2001AC Rio BrancoAC Assis Brasil330 Km
Total: 7 diasMS Campo GrandeAC Assis BrasilTotal de Campo Grande, MS
a Assis Brasil, AC: 3.000 Km

Peru ao Brasil via Acre + 3 noites em Itapuã do Oeste RO

DataOrigemDestinoDistância
5ª feira, 24/03/2011AC Assis BrasilAC Rio Branco330 Km
6ª feira, 25/03/2011AC Rio BrancoAC Xapuri170 Km
6ª feira, 25/03/2011AC XapuriRO Porto Velho620 Km
Sábado, 26/03/2011RO Porto VelhoRO Cacoal480 Km
DomingoRO Itapuã do Oeste
2ª feira, 28/03/2001RO Itapuã do Oeste570 Km
3ª feira
4ª feira, 30/03/2001MS Campo Grande830 Km
Total: 7 diasAC Assis BrasilMS Campo GrandeTotal: 3.000 Km

Entrevistas de Sid Mort, o Big Trail que viajou ao Peru em outubro/2008 , autor do livro “Machu Picchu, uma nova aventura”:

aos 2 minutos: documentação;

aos 6 minutos: alfândegas;

aos 11 minutos: Polícia Caminera Argentina;

aos 13 minutos: início de altitude em Marcapata, Peru;

aos 17 minutos: utilidade das folhas de coca na viagem.

aos 0 minutos: subida na Carretera Transoceânica Sur;

aos 8 minutos: como é a sensação no deserto;

aos 13 minutos: Machu Picchu;

aos 13 minutos: Clube Big Trail.

71 ideias sobre “Rodovia do Pacífico Brasil Peru”

  1. Saúde é o que interessa! Portanto, para enfrentar essa maratona e inclusive a trilha para Machu Picchu espero que esteja indo AINDA à academia. 😉
    E dessa vez, amarre o celular a um cordão na cintura! Também não perca tempo e nem ocupe espaço na bagagem levando o tripé porque você não ocupa mesmo! hehehe
    Boa viagem CORAJOSO!

  2. Tempo de viagem: 4 semanas? é isso?
    Vai sozinho ou em grupo de motrociclistas?
    Se tiver mais dados, tenho interesse em viajar ao Peru de moto?

  3. Amigo editor de Moto Turismo, tenho interesse em participar desta viagem ao Peru.
    Estarei de férias, vc já fez planilha de gastos? Se puder repassar seria uma boa, quero fazer uma viagem sem susto $$$.

  4. Aurican, seja bem-vindo!
    Já viajamos juntos em novembro de 2010 a Foz do Iguaçu, no Brasil e Puerto Iguazu, na Argentina na Convenção Brazil Riders.
    Você está convidado. Vamos conversar e acertar nossas datas e velocidades, hehehe. Vai de Honda Sahara 350?

  5. Olá Amigo!
    Estou iniciando o planejamento dessa viagem para setembro e, na pesquisa, achei sua matéria acima. Se não for pedir muito, já pedindo…, gostaria de saber se você já tem conhecimento das condições das estradas no percurso, especialmente as do Brasil….
    Pelo visto, a estrada no Peru já está praticamente pronta. Certamente o seu planejamento já está na contagem regressiva. Portanto, todas as informações que você puder passar eu desde já te agradeço.
    Espero trocar umas “figurinhas” com você depois da sua viagem.
    Muito obrigado e que faça um excelente passeio.
    Grande abraço do Celso – São Paulo

  6. Celso e demais Moto Turistas:
    Estou repetindo a viagem que fiz até à fronteira peruana em dezembro de 2005. Em 21 de janeiro de 2006 Lula e o presidente peruano Alejandro Toledo inauguraram a ponte sobre o Rio Acre, na fronteira tríplice as cidades de Assis Brasil, no Acre e Iñapari, em Madre de Dios, Peru. Até me lembro que no dia seguinte foi a posse do Evo Morales na Bolívia, que integração latina, hein… Além da ponte, tem toda a estrutura necessária, como aduana, imigração da Polícia Federal, Receita Federal, fiscalização sanitária, etc…

    Nesses 5 anos, o tráfego aumentou no trecho que você perguntou. As estradas até o Acre em 2005 e 2006 estavam ótimas. Perto de Pimenta Bueno, em Rondônia os postos de gasolina ainda são raros. Vendem gasolina em garrafas nos bares da estrada. Transportar gasolina em garrafa PET não é seguro, gera pressão do vapor na tampa devido ao aquecimento da gasolina transportada chacoalhando a mais de 100 Km/hora. Gera multa também. Qual a solução? Vá devagar, economize gasolina, evite atropelar animais que atravessam a BR 364.
    Pressa e Moto Turismo não se casam!

    Vi fotos de amigos em Moto Turismo na BR 364 sem reclamar de buracos.
    Mantenha contato no Blog dos Moto Turistas e quando passar em Mato Grosso do Sul, entre em contato.

  7. Grande Garga, tu é macho mesmo heim….
    Seguinte véio, o trecho de 230 km inacabado, é de terra?
    Já calculou o custo ida e volta?
    Um grande abraço, velho…
    Nascimento, Nova Andradina – MS

  8. Ilustre Nascimento!
    Estamos em 2011 e não há mais nenhum trecho de terra na Rodovia Transoceânica ou Carretera Transoceânica Sur. Até 20 de junho de 2011 terminam o vão central da Ponte Bilinghurst sobre o Rio Madre de Dios, na chegada à cidade de Puerto Maldonado a 230 Km do Brasil.
    Se você viu relatos de motociclistas estradeiros, vale lembrar que ainda estava em obras em 2010. Qualquer dúvida, comente que responderei no blog.
    Moto Abraço e sucesso no New Road Motorcycle em Nova Andradina – MS.

  9. Caro editor de Moto Turismo, bons ventos o tenha…
    Pode ter certeza que acompanharei sua viagem on-line.
    E em abril de 2011, se possível for esperamos por você aqui em Chapadão do Sul, MS.
    GRANDE abraço do Brazil Rider Alírio Macedo de Chapadão do Sul, MS.

  10. Estou de saída para Cusco, Peru em meados de fevereiro/2011 e estou buscando informações de todos que por lá estiveram, tenho algumas dúvidas sobre a qualidade da estrada, sobre distâncias de postos de combustíveis, se realmente a rodovia está toda pavimentada no trecho Assis Brasil a Cusco, sei que esteve por lá no ano de 2005, mais é que vc está falando com propriedade sobre o assunto, se possível me informe onde está conseguindo estas informações.
    Um grande motoabraço de Sinop – MT

  11. Irmão de estrada, João Neto:
    Sou Brazil Rider e estive na Convenção Brazil Rider em Foz do Iguaçu dia 15 de novembro de 2010. Lá, me encontrei com BR’s do Acre e Manaus. Assim, obtive notícias da Rodovia Interoceânica. Se você observar no blog a data 08 de março, estarei com amigos que moram em Rio Branco e também me deram informações precisas, pois esteve em Cusco no último trimestre de 2010. Quanto à conclusão da ponte em Puerto Maldonado, mensalmente são atualizadas as informações no site da Construtora Odebrecht Peru.
    Participe do fórum de ajuda dos Moto Turistas: http://bit.ly/2rodasyahoo
    Espero ter ajudado. Precisando de mais, inf., entre em contato aqui.

  12. Obrigado pelas informações, estou de saída para o Peru daqui a 10 dias, qualquer dia nos encontramos pelas estradas, grande abraço irmão!
    João Neto de Sinop, MT

  13. Sou o Marcio, da Confraria, e fui ao Ushuaia agora, em janeiro de 2011.
    Estou planejando ir em setembro de 2011, só que devo voltar pela Bolivia. Como está a rodovia entre Assis Brasil no Acre e Cusco no Peru? Ainda tem alguma parte de terra? E a travessia do rio em Puerto Maldonado, a balsa, é rápida? Tem o dia todo?
    Vamos conversar em Mato Grosso do Sul pessoalmente.
    Abraços e um bom retorno! Marcio
    Confraria da Motocicleta

  14. Confrade Marcio, a carretera ou Rodovia do Pacífico, tem alguns "derrumbes" ou desmoronamentos que interrompem algumas horas de tráfego entre Quince Mil e Cusco. Nesse trecho, mais especificamente a 4.000 m de altitude, tem uns desvios de cascalho com curvas inimagináveis. O tráfego é basicamente: caminhões, ônibus com "claxon" ou cornetas e muitas Vans. Carro de passeio é o que menos se vê. Aliás, tem mais moto que carros particulares de passeio. Hospedagem com garagem também não existe. Entre Quince Mil e Cusco quase não há hospedagem.
    Pretendo voltar ao Peru até o Oceano Pacífico em dezembro de 2011, época das chuvas ou em julho de 2012, inverno. Procuro parceiros persistentes para o projeto.

  15. Que Deus te proteja nas carreteras peruanas!!!
    Dia 04 de abril estaremos em Campo Grande, Mato Grosso do Sul para te pagar as geladas.
    Abraço do Nelson Sapecados MC

  16. Muito interessante todo o planejamento e informações postadas.
    Estamos planejando com cautela umas viagens para desbravar fronteiras e uma delas é para Machu Picchu, mas isso daqui a alguns anos…
    Abraços do Virus da Liberdade MC

  17. Fiz esta viagem ao Peru em 2007, onde o trecho com asfalto terminava em Iberia, no Peru, onde ficava o principal canteira de obras da estrada. Para frente eram 700 Km de terra batida, cascalho, passagens em córregos, muita floresta e pouco apoio.
    Foi uma grande aventura que pretendo renovar agora com asfalto de fora a fora. Boa viagem aos estradeiros.
    Bleiner. Eu e Ela MC

  18. Bleiner, que coragem e espetáculo sua viagem por terra até Machu Picchu!
    Estou à procura de parceiros para uma motoviagem até o Oceano Pacífico saindo de Mato Grosso do Sul. Seria no verão de dezembro de 2011 ou no inverno de julho de 2012.
    Se alguém mais se interessar, comente aqui deixando seu contato e data disponível para viagem.
    Grato pelo incentivo a todos que comentaram e acompanharam essa aventura. 

  19. Olá estou querendo fazer este trecho com a minha família só que de carro, adorei os relatos de vocês vai ser de grande valia, pelos comentários acima, a rodovia já está toda pavimentada, nosso carro é um gol G5, será que teremos dificuldades? Um abraço!

  20. A estrada que liga Brasil ao Peru esta totalmente asfaltada ? Estou indo para Cusco, no PERU, via Salta, na Argentina e quero voltar por Rio Branco, ACRE.

  21. Luiz Gil e Luara, sim, claro, toda a Rodovia TransOceânica está asfaltada. E tem mais: dia 20 de junho de 2011 inauguram a ponte sobre o rio Madre de Dios, pois quando fui em março de 2011, passei de canoa. Só tem uns trechos que interrompem devido aos "derrumbes" ou desmoronamentos, então, fazem atalhos com cascalho da cordilheira.

    Quanto à Luara ir de carro, deve faltar um pouco de ar a 4.900 metros de altitude, por isso os ônibus de lá, abrem o capô dianteiro para melhorar o rendimento.

    Boa Viagem, Luiz Gil e Luara!

  22. Estou planejando uma viagem onde passo pela argentina, chile (santiago) , por arica e entrando em tacna, arequipa, cuzco no peru,  saindo em Rio branco – AC, gostaria de saber se consigo fazer essa viagem com uma moto custom harley davidson 883 iron, principalmente o trecho relativo ao peru. pois o da argentina e chile um colega conseguiu fazer o percurso com este modelo de motocicleta.
     
    abraço

  23. Eu também fiz 6 países: Argentina, Uruguai, Chile, Peru, Bolívia e Paraguai.
    Lugares que visitei: Machu Picchu, Lago Titicaca, Ilhas de los Uros, Cusco, Costa do Pacífico, Deserto do Atacama, Cordilheiras dos Andes, Chaco, Patagônia, Buenos Aires, Montevideo, Punta del Este e todo Cone Sul Americano do Rio de Janeiro pra baixo.

  24. Pretendo viajar pela Rodovia Interoceânica, saindo de Porto Alegre – RS ao Acre e de lá para o Peru, voltando pelo Chile.
    Iremos de carro (TR4) eu e minha mulher. Como são as condições de abastecimento, segurança? Temos experiência em viagem de carro, já fomos duas vezes ao Atacama, Ushuaia, Carretera Austral, Bolívia, todas em TR4.
    Ruy

  25. Eu, Ari Fiadi e o Aziz Chididi, presidente do BMW Rio Motoclube pretendemos ir a Machu-Pichu, via Acre. Agrdeceria que me mandasse detalhes da viagem, talvez vamos em setembro próximo. O Aziz já foi. mas por baixo, pela antiga estrada. Ao seu dispor em São Paulo e o Aziz, com certeza, no Rio. Ele possui um museu próprio com +- 70 motos. Já fomos a Ushuaia e Punta Arenas e viajamos diversas vezes a Punta e a Buenos Aires.
    Abraços dos moto-irmãos Ari Fiadi e Aziz Chididi

  26. Estou planejando uma viagem de Resende, Rio de Janeiro a Caracas na Venezuela, sendo parte do trajeto pela Rodovia Interoceânica. Quem tiver informações recentes, abastecimento, hospedagem, documentação e dicas sobre a rodovia, ficaria muito agradecido se me enviassem. Desde já, agradeço.
    Atenciosamente
    Juarez Sabadini

  27. Somos um grupo sessentão e estamos nos planejando para fazer a Interoceânica de triciclo com as respectivas esposas. Até possuimos moto mas pela idade achamos por bem ir de triciclo.
    Gostaríamos com a gentiliza de quem fez  essa viagem enviando o máximo de informações e se possível um meio eletrônico de contato  para que possamos trocar mais idéias, evitando que  tenhamos surpresas desagradáveis na viagem, além das imprevisíveis.

  28. Olá amigos, estou planejando fazer uma viagem no mês de julho/2012, de carro um Classic 2011, saindo de Itaituba-PA para Cuzco no Peru, gostaria de saber como esta as estradas até a cidade de Cuzco, a questão da altitude em relação ao carro, valor da gasolina, ou se alguém pode me dizer se ir de avião fica mais em conta do que ir de carro?
    Agradeço as respostas de algum colega.
    Abraços.

  29. Planejo viajar em Setembro/2011 do Paraná-Brasil para conhecer o Santuário de Machu Picchu no Peru, de moto-home, pela Rodovia Transoceânica. Aceito e sou grato por qualquer informação a respeito.
    Atenciosamente, Pedro Velho.

  30. Estou planejando viajar ao Chile para conhecer o Deserto de Atacama, saindo de Lages
    SC, passando pelo Paraguai e norte da Argentina e voltar por
    Santiago Chile, entrando
    na  Argentina passando pelo Aconcágua, Mendoza, Rio Quarto, Santa Fé, etc, entrando de
    volta no Brasil por Uruguaiana RS.
    Querro saber as condições das estradas e se alguém já fez essa viagem nas mesmas
    condições.
    Grato, Saulo Velho.

  31. Saulo!
    Vá até Buenos Aires por Colônia no Uruguai, Mendoza, Aconcágua, Santiago no Chile, Copiapó, São Pedro do Atacama, depois volte por Passo de Rama até Jujuy, Corrientes e Uruguaiana, 12 dias aproximadamente 9.000km, espetáculo!
    Tenha uma boa viagem!
    José Roberto Rached

  32. Eu, José Roberto Rached, tenho uma big trail, gostaria de associar-me a algum clube de motociclista para grandes viajens. Quem puder ajudar-me agradeço

  33. Pessoal, moro em Porto Velho, RO e estou planejando essa viagem na segunda semana de novembro desse ano. Se alguém pretender ir, podemos trocar informações a respeito e quem sabe irmos juntos.
    Sds, Edmilson Freita de Porto Velho, Rondônia, Brasil

  34. Pô cara, filé esse seu roteiro, mas me diga, esses lugares que vc passou, eles pegam que tipo de moeda. ou só pegam moeda do seu país?
    Adriano Jatobá

  35. Caro amigo do Moto Turismo,
    Eu e mais dois amigos aqui de São Gabriel da Cachoeira – AM (terra do Pico da Neblina) estamos planejando uma volta a Parte da América do Sul, com saída para o final do ano que vem (Novembro ou Dezembro 2012), começando de Rio Branco – AC pela transoceânica e voltando por La Paz-Bolívia, entrando de volta no Brasil por Corumbá e subindo até Porto Velho, RO, aonde termina o trecho terrestre.
    Se puder nos passar algumas dicas sobre se essa é uma boa época para a viagem, locais de difícil abastecimento, pousada etc, além de dicas de locais de parada obrigatórias.
    Será nossa primeira viagem internacional e queremos fazê-la em no máximo de 30 dias.
    Tudo que puder nos orientar será de grande valia.
    Desde já grato, desejamos a ti boas viagens.
    Ricardo Nogueira

  36. Estamos programando a ida ao Peru e sobrevoar nas linhas NASCA, seá que no mês de novembro é uma boa época para pegar estradas peruanas?

  37. Que passeio maravilhoso! Estou querendo realizar meu sonho em julho de 2012, na minha Harley Touring, gostaria de informac"ao sobre segurança, abastecimento, hospedagem na rodovia. Estarei saindo Minas Gerais via Acre ao Peru.
    Abraços do Sebastião Ferreira

  38. Estamos planejando, Eu, meu marido, meu filho e uma amiga viajarmos ao Peru pela Rodovia Transoceânica, com a intenção de conhecermos Machu Picchu. Vamos num Gol G4_1000. Gostaríamos de informações sobre segurança, custos, hospedagens e condições da estrada. Pelo que estou percebendo a estrada está boa…
    Obrigada! Suzana.

  39. Suzana, Sebastião, Carmen e todos que estão ansiosos prab viajar!

    Antes de dezembro publicarei nosso próximo projeto de viagem ao Peru que vai começar dia 28 de dezembro, sendo que passaremos o ano novo em Puerto Maldonado, no Peru. Aguardem o decorrer dessa semana pra conhecer nossas informações sobre roteiro, distâncias e data. Do Peru seguiremos pra Bolívia, Chile e Argentina, retornando ao Brasil por Foz do Iguaçu, no Paraná. 
    Só + essa semana!

  40. Temos condições de acompanharmos essa viagem que se inicia em 28/12, podendo encontrá-los em Cuiabá ou mesmo Rio Branco. Quanto a volta, penso eu que teremos que interromper na Bolívia, entrando para o MT por Cáceres… Mas, até lá tem chão… Obrigada!

  41. SIM, EU GOSTARIA DE FAZER ESTA VIAJEM, SO QUE PRECISO DE MAIORES INFORMAÇÃOES QUE PODERÃO SER ENVIADAS P/ MEU ENDEREÇO ELETRONICO ACIMA, TENHO UMA KAWASAKI VERSYS 650 2011. AGUARDO RETORNO E MUITO OBRIGADO PELA LEMBRANÇA

  42. Fizemos esta viagen em fevereiro de 2011 e estamos querendo ir novamente, de repente podemos combinar e sairmos na mesma data, podemos nos encontrar em Vilhena /RO, temos uma GOLD WING 1800 , mais temos a intençao de conhecer as linhas de Nazca ,deserto do Atacama etc…
    Podemos rodar juntos por muitos kms, grande abraço
    João e Val, Sinop, MT

  43. Estou programando uma viagem de Rio Branco no Acre para Cusco no Peru, alguém tem dicas para tal, a minha moto tem autonomia de 220km, tem posto de gasolina que atenda essas pernas?

    Obrigado abraço do Henrique Igayara

  44. Estamos saindo de Lucas do Rrio Verde MT em março de 2012 com destino às ruínas de Machu Picchu, vamos em uma caminhonete Strada e assim que retornarmos postarei novas informações sobre esta rota ! Quem quiser, mantenha contato. 

  45. Meu nome é Fernando, sou de Campos dos Goytacazes, RJ, Gostaria de saber qualquer tipo de informação sobre viagem do Brasil até o Peru até chegar ao Oceano Pacífico, estou programando para fazer uma viagem não de moto, mas de bicicleta. Por favor, qualquer tipo de informação, eu fico agradecido: rota, distância, o que levar, tempo e saindo do Rio de Janeiro de avião, qual a última cidade próximo da fronteira que posso descer.
    Obrigado e fico no aguardo. Fernando, Campos dos Goytacazes, RJ

  46. Sou de São Paulo, indo com um amigo de Curitiba pra Machu Picchu com saida de 29/04 a 01/05.

    Via Acre é um mês viável pra esta viagem? Viajaremos com Shadow. Quanto à gasolina, algum problema? Desde já, agradecido pelas dicas.
    Américo

  47. Boa noite amigos motociclistas, já realizei 2 viagens de moto pela America do Sul, para o Uruguai em 2010 e outra para o deserto do Atacama e extendendo-se até Antofagasta em 2011. Estou planejando uma viagem para o Peru ate Machu Picchu e Bolívia num tempo máximo de 22 dias, porém a minha grande dúvida é por onde abordar estes lugares, pela Bolívia via Puerto Suarez a Santa Cruz de la Sierra, ou via Peru pela estrada transoceânica até Cuzco?

    Estou saindo de São Paulo, se alguém souber ou tiver experiência na abordagem inicial pela Bolívia, me envie dados, por outro lado se alguém souber uma empresa que leve as motos de São Paulo a Rio Branco no Acre ou as traga para São Paulo também é válido, o importante é que seja totalmente de confiança para que as motos nao sofram danos, isso nos pouparia tempo de pelo menos 4 a 5  dias de ida ou 4 a 5 dias de volta o que seria interessante para conhecer mais coisas no Peru.

    A ideia é ir a Santa Cruz , ir até Sucre , Potosi e Salar de Uyuni, subir para Oruro, depois La Paz, Copacabana, Puno,  Juliaca, Cuzco e Machu Picchu e voltar para Rio Branco e mandar a moto por transportadora. O trajeto  inverso pode ser feito, dai a minha dúvida.

    Agradeço aos que possam colaborar nesta empreitada e estamos aberto ao dialogo , abraços a todos
    Rubens Paes Barreto

  48. Gostei do que vcs. falaram sobre Acre, BR 364 e Peru. Fui até Puerto Maldonado e voltei porque chovia muito.Como agora não tem mais chão, a coisa agora é preta é botar o carro e by by. Já estou irformado que…chuva termina no fim de maio e a partir de junho até setembro, pode-se ir sem medo.
    Vejo vcs LÁ

  49. Pretendo sair de Chapada na XT660 no dia 13/07/12 rumo ao Peru e por enquanto estou só na estrada.
    Caso os dias de saida sejam sejam semelhates, gostaria de companhia até Cuzco, pois acho um pouco perigoso o trecho da Cordilheira dos Andes.
    Certo estou que vou. abraços.

  50. Pretendo fazer uma viagem de moto de Foz do Iguaçu. Paraná ao Peru no final deste ano. Queria fazer um parceria com alguém daqui da região.
    Lauri Tavaris, motociclista!

  51. Olá pessoal, sou Leandro de Paraguaçu Paulista SP,
    estou querendo fazer essa viagem para Cusco, no momento estou só, mas estou querendo arrumar alguns parceiros para isso, pretendo irr no fim do ano, com minha Honda Fan 2008, ja fiz viagem de 2.000km com ela, e foi muito guerreira, gostaria de companhia, para esta aventura.

    "não importa a cilindrada da moto, e sim as emoções e lugares que se passa com ela"

  52. Bom dia, Leandro!
    tenho interesse em ir para Cusco, podemos nos manter conectados por e-mail e traçar a rota

  53. Bom dia a todos!
    Estou me programando para ir para o Peru em fevereiro de 2013 e gostaria de saber quais documentos necessários são para uma viagem de moto, é preciso tirar a carteira de motorista internacional?
    Agradeço desde já!

  54. Boa tarde irmão estradeiro,
    gostaria de saber qual a documentação necessária atualmente exigida para viajar do Brasil para o Peru em moto?

    Gracias por la informacion y buenas rutas
    fuerte abraço, Menatti

  55. Tenho um amigo motociclista que pretende cruzar a Rodovia Interoceânica no próximo mês de junho… poderia confirmar se o paso peruano é aberto durante todo o inverno ou há risco de bloqueio ou mesmo de "congelamento" da pista?

  56. Estive no verão entre o Puerto Maldonado e Cusco, onde vi vários desmoronamentos, que chamam de derrumbes, mas o tratores de plantão agem rápido. Em todo caso, um amigo meu foi transportado de caçamba de trator com bagagem e garupa, hehehe! Também no mês de janeiro. Em junho, não há chuvas, elas começam ao final de outubro. Boa Viagem!!!
    Viva Zapata!!!

  57. Olá moçada. Fui (e voltei) com uma Suzuki V-strom, sozinho, de 26/12/2011 a 18/01/2013 a Argentina. USHUAIA. saindo de Belo Horizonte. MG, e pretendo ir em Julho 2013 a Cusco (Peru) partindo de Belo Horizonte, MG. Sempre viajo só. Gostaria de informações sobre o trecho peruano, principalmente a subida dos Andes após Quince Mil. Também seriam bem-vindas informações acerca de questões de segurança e abastecimento não só no Peru mas, também no Acre, Rondônia, etc.,  Abração a todos, Marco Polo Ribeiro.

  58. OLÁ, Estou programando uma viagem de ônibus pela Rodovia Transoceânica Brasil, Peru ao final de 2014 ou início de 2015. Procuro parceiros ou parceiras para a aventura. Luiz Fernando, CEL. 022 99892-7089, Rio de Janeiro

  59. Estou programando essa viajem em novembro, vou de Suzuki V-Strom, preciso de informações, aliás varias essa época e uma boa opcão.

    Qual o risco de ir sozinho?
    Quais as cidades indicadas para pernoite?
    Existem postos de abastecimento, ou algum trecho devo levar combustível extra?
    Qual a roupa mais adequada?
    Desculpem as perguntas mas marinheiro de primeira viajem e assim.
    Boa viajem a todos e vamos fazer poeira .'.

  60. Olá, Leandro.

    Fiz essa viagem sozinho em junho de 2013 com a moto Ducati 620. Sozinho, leve mais ferramentas, kit pneu, duas cintas de fixação e avalie os locais de parada. Em meu roteiro, primeiro: MT, Cáceres, Ariquemes, Vilhena, Rio Branco no Acre. No Peru, pernoitei em Puerto Maldonado, Cuzco, Machu Picchu, Puno e Arequipa. Entrei no Chile e fui para San Pedro de Atacama.
    Não tive problemas com combustível em toda viagem. Roupa normal mais dois pares de luva, duas toucas ninja e capa de chuva (seria bom a segunda pele).
    Obs: Informe-se sobre o estado da BR-364 que já estava péssima em 2013.

  61. Olá gente!
    Primeiramente, parabenizo pelo trabalho que fiz em ajudar aos brasileiros que desejem conhecer Machu Picchu, quem escreve é um amante da cultura brasileira e graças a Deus, já teve a sorte de morar no Brasil por um bom tempo.
    Agora, voltei ao Peru, Cusco para mostrar a todos os brasileiros que desejem conhecer a terra dos incas.
    Se alguém deseja algumas dicas e recomendações pra a sua viagem, será tudo um prazer ajudá-los em realizar o sonho de conhecer Machu Picchu Cusco, Lima, Lago titicaca, Arequipa, Nazca, Paracas, Puno, Trujillo e outros destinos que ainda não foram explorados pelo brasileiros.

  62. Olá Pessoal,
    Estou na etapa de planejamento da minha viagem ao Peru!
    Tem um trecho que gostaria de maiores informações, se tem como passar com a motoca !
    Pela BR 364, já no AM, nas proximidades das cidade de Mâncio Lima !!!
    Tem como passar para o Peru, seguindo azimute 270g, tendo como ponto de chegada, a cidade de Talara ?!

    Valeu !
    Paulo Germano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *